Contas do governador eleito, Wilson Lima, são aprovadas pelo TRE-AM

O governador eleito, Wilson Lima, ressaltou que as ressalvas apontadas, na prestação de contas de sua campanha, pelo Tribunal Regional Eleitoral do Amazonas (TRE-AM) são sanáveis e de caráter mínimo, o que não comprometeu a fiscalização da prestação de contas com transparência junto à justiça eleitoral. A afirmação aconteceu nesta sexta-feira (14), após resultado de aprovação do TRE-AM. O julgamento das contas é um requisito para a diplomação que ocorrerá na próxima segunda-feira (17).

“É até natural que, em uma campanha para governo do Estado do Amazonas, existam observações a serem feitas pelos órgãos de fiscalização. Mas a campanha foi feita de forma organizada e responsável, obedecendo à legislação. Tanto é assim que os pontos que foram destacados com ressalvas são de caráter mínimo e não foram impeditivos para aprovação, são sanáveis”, destacou Wilson Lima.

O advogado da campanha, Helder Cintra Bastos, afirmou que as supostas irregularidades têm caráter formal e foram somente por questões de atraso de envio de documentos. “O candidato Wilson Lima envio de maneira parcial a prestação de contas e depois mandou a prestação de contas final. Foram feitas duas diligências. A primeira nos manifestamos e fizemos as justificativas cabíveis. E depois foi pedida outra diligência, novamente apresentamos os documentos e as justificativas pertinentes”.

Foto: Divulgação

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.