Wilson Lima inaugura obras do Prosamim no bairro Presidente Vargas, com investimentos de R$ 137 milhões

O governador Wilson Lima inaugurou, nesta quinta-feira (04/06), as obras da terceira fase do Programa Social e Ambiental dos Igarapés de Manaus (Prosamim) no bairro Presidente Vargas, zona sul da capital. Os investimentos na área totalizam R$ 137,8 milhões em recursos do Governo do Estado e do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), contemplando intervenções de mobilidade urbana, saneamento básico e construção de um novo parque com áreas de lazer e prática esportiva para os moradores das zonas sul e oeste.

No segmento da mobilidade, o projeto contemplou a execução da Ligação Viária Luiz Antony (LLA), que conecta a avenida Kako Caminha à rua Luiz Antony, no bairro de Aparecida. A obra deve desafogar o trânsito de veículos que saem dos bairros da Glória, São Raimundo, Santo Antônio e Compensa com destino à região central. A via de mão dupla tem extensão de 1,5 km e está equipada com iluminação de LED, ciclovia, pista de caminhada, praças e espaços para prática de esportes.

“Nós estamos aqui entregando essa obra que faz parte da terceira etapa do Prosamim, que inclui a bacia do São Raimundo. Nós estamos entregando três partes, três espaços para as famílias, com quadra, academia. Essa quadra, inclusive, foi um pedido feito pela comunidade na última vez que estive aqui no fim do ano passado. Nós também estamos entregando seis estações elevatórias de esgoto. São 24 km de esgoto, que nós vamos passar para a Manaus Ambiental administrar porque faz parte desse sistema de distribuição e de coleta de esgoto”, afirmou o governador, durante a inauguração do complexo.

A intervenção incluiu a construção do Parque da Castelhana, localizado no final da nova via, com acessos pela avenida Constantino Nery e rua Luiz Antony. O espaço de 3.000m² é resultado da recuperação de uma parte do leito do igarapé da Castelhana, antes foco de ocupações irregulares e acúmulo de lixo. A área foi revitalizada e dotada de toda infraestrutura necessária, como quadra poliesportiva, academia ao ar livre, bancos, arborização e iluminação de LED.

As obras da LLA e do Parque da Castelhana tiveram um investimento total de R$ 106,1 milhões, sendo R$ 80,8 milhões destinado às obras de infraestrutura e R$ 25,3 milhões à indenização de famílias que viviam em 378 imóveis da bacia do São Raimundo e do igarapé da Castelhana.

“Isso aqui representa qualidade de vida para essas pessoas que estão aqui nessa área, que passa pelo bairro Presidente Vargas, inclusive os moradores que foram vítimas daquele incêndio que aconteceu em 2012 foram beneficiados, foram indenizados, a área em que isso aconteceu foi revitalizada. Toda essa área aqui passou por uma transformação”, reforçou Wilson Lima.

A execução das obras da nova avenida começou em 2017, com o reassentamento das famílias, mas os trabalhos ficaram paralisados durante dois anos devido a um processo de desapropriação de um trecho por onde passa a avenida. A ordem judicial foi proferida no início do segundo semestre de 2019, durante a atual gestão, e imediatamente o planejamento para a conclusão das obras foi retomado.

Homenagem – Todas as estruturas entregues pelo Prosamim, tanto quadras poliesportivas, como praças, receberam os nomes de comunitários que fizeram história na região do Bariri. Um deles foi Guilhermino Corrêa dos Santos, que viveu 102 anos, boa parte como morador da área.

“É uma alegria, uma satisfação muito grande falar sobre o meu pai, que já faleceu há 19 anos. Papai morreu com 102 anos, ele graças a Deus era muito brincalhão. Brincava com as pessoas, com as crianças, e aí ele foi criando esse relacionamento com a comunidade”, lembra o filho, Silas Laranjeira dos Santos, que se emocionou com a homenagem ao pai. “É uma alegria muito boa porque entre várias pessoas, escolheram comunitários aqui de referência”, disse.

Intervenção Walter Rayol (Bariri) – A intervenção do Prosamim na rua Walter Rayol (Bariri) teve um investimento total de R$ 9,8 milhões, sendo R$ 3,5 milhões investidos em infraestrutura e R$ 6,3 milhões no reassentamento das famílias retiradas da área.

O projeto contemplou a readequação de vias, incluindo a pavimentação da rua, instalação de calçadas, sarjeta, plantio de mudas para a recomposição da flora, novos espaços de convívio social e prática de esportes, como praças e pista para caminhada.

O programa reassentou cerca de 150 famílias, que residiam em 94 imóveis no leito da bacia do São Raimundo e conviviam com as alagações constantes devido à subida das águas do rio Negro. As obras contemplaram também a reforma das fachadas das residências vizinhas.

Saneamento – As obras de saneamento da bacia do São Raimundo executadas pelo Prosamim tiveram um investimento de R$ 22,3 milhões e incluíram a construção de 24 km de redes de esgoto e seis Estações Elevatórias de Efluentes (EEEs), distribuídas em bairros das zonas sul e oeste (Centro, Aparecida, São Raimundo, Santo Antônio, Glória e Presidente Vargas), beneficiando 132 mil pessoas.

As redes de esgoto farão a coleta dos resíduos das residências de mais de 130 mil pessoas e estão interligadas às EEEs, responsáveis por armazenar e bombear esses resíduos até uma Estação de Tratamento de Esgoto (ETE), que está sendo construída no bairro do Educandos, zona sul de Manaus.

Capital e interior – Durante a inauguração, o governador Wilson Lima destacou outras ações de infraestrutura planejadas para o segundo semestre de 2020.

O Governo do Amazonas está na fase de conclusão do Prosamim 3, projeto que faz parte do complexo de obras do Estado, e já iniciou as negociações com o BID para o Prosamim 4, que vai se estender por Manaus, nas áreas da Comunidade da Sharp e no bairro Educandos, na área vítima do incêndio de dezembro de 2018.

Além da capital, o Prosamim 4 vai englobar obras nos municípios de Itacoatiara, Iranduba, Coari e Parintins. Ainda em junho, o Estado inicia as tratativas para efetuar o projeto.

Fotos: Arthur Castro/Secom

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.