TRE-AM ratifica afastamento do juiz eleitoral de Coari

Por decisão do presidente do Tribunal Regional Eleitoral do Amazonas (TRE-AM), Wellington Araújo, o juiz eleitoral Fábio Alfaia está afastado do comando da eleição suplementar em Coari.

No próximo dia 5, a população da cidade que fica a 385 quilômetros de Manaus escolhe um prefeito tampão para o lugar do cassado Adail Filho (Progressistas).

Havia um pedido da coligação de Robson Tiradentes Júnior (PSC) para tirar o juiz da condução do processo eleitoral. Ele foi acusado de favorecimento ao grupo adversário, que lançou Keitton Pinheiro (Progressistas) na disputa da cadeira de prefeito.

Alfaia, contudo, se antecipou à decisão do TRE e nesta terça (9) pediu afastamento do cargo.

Conforme alegou, sua saída foi para “cessar indevidas discussões sobre a tranquilidade na condução do pleito”.
Ao mesmo tempo, o presidente do tribunal confirmou que assume o cargo na 37ª Zona Eleitoral do Amazonas a juíza Mônica Cristina Chaves do Carmo.

*Com informações do BNC Amazonas

COMPARTILHAR